FANDOM


Steven Universe Esta página é uma transcrição finalizada de A Cabeça do Lars.
Não edite esta página, a menos que você encontre algum erro gramatical ou descrição incorreta.
No caso de outros tipos de mudança, por favor entre em contato com a administração.

(O episódio começa com Lars acordando no Jardim de Infância.)
Lars: Ai, o que que foi que aconteceu?
Steven: Lars!, você salvou a gente, venceu os robonoides mas, um deles explodiu e aí você não se mexia e eu comecei a chorar! (Steven está chorando.)
Steven: Ah? Eu te trouxe de volta à vida! Olha, foi um acidente, eu teria feito de propósito se soubesse que sei fazer isso mas, eu não pedi sua permissão afinal então desculpa.
Lars: De volta à vida? então eu tava.. fora da vida? (Lars olha confuso para seus braços e poe as mãos na cabeça) eu to rosa?!
Steven: Ha? eu sei!, vem cá você ta legal?
Lars: Eu não..não sei dizer...
Steven: Mas seu corpo, tá com dor?
Lars: Não...
Steven: Tá cansado?
Lars: Também não.
Steven: Tá se sentindo bem?
Lars: Não.
Steven: Tá se sentindo mal?!
Lars: Não!
Lars: E-Eu acho que eu só to muito assustado (Lars gagueja.)
Steven: Eu também to!, então pelo o menos estamos na mesma aqui.
(Um barulho alto é ouvido.)
Rodonita: Voltaram!, os robonoides estilhaçadores voltaram!
Fluorita: Tem que ser rápido, fechem a entrada. (Rodonita, Rutilo e Fluorita saem para fechar a entrada.)
Steven: Lars, fica aqui e descansa! (Steven sai correndo para ajudar as outras.)
Lars: Ai, tá bom.
Safira Padparadscha: Eu prevejo que Lars vai mudar de cor. Ai, que mistério!

(A cena muda para a entrada do Jardim de Infância, onde Rutilo, Rodonita e Steven puxam uma pedra para tampar a entrada.)
Gêmeas Rutilo: Nossa, que forte. (Falou enquanto olhava para Steven e empurrava a pedra.)
Rodonita: Será que é o suficiente? (Uma luz vermelha emerge e apaga da parte de fora do Jardim de Infância.)
Fluorita: Me parece que não nos encontraram, por enquanto.
Safira Padparadscha: Rápido! fechem a entrada!
Steven: Enquanto eu estiver aqui, vão continuar vindo atrás de nós. (Steven diz pensativo.)
Rodonita: É verdade esse plano foi horrível!
Steven: E agora, vamos tentar achar outro esconderijo?
Rodonita: Não não não não!, se sairmos da caverna ficaremos completamente expostos!
Fluorita: Mas se ficarmos aqui, vão nos encontrar com certeza.
Gêmea Rutilo da Direita: Então ficamos e somos pegas.
Gêmea Rutilo da Esquerda: Ou saimos e somos pegas (Todos fazem silêncio por um segundo.)
Lars: Então pera aí eu sou um zumbi agora?!
Steven: Não!.. é.. não!, você fala e zumbis não fazem isso. Eu devo ter te curado eu já curei outras pessoas antes só, nunca tanto.
Lars: É só admitir, Steven, eu sou um zumbi!
Steven: (Se aproxima de Lars) Já sei! (Steven ri.) um coração de zumbi não bate. (Steven aproxima o ouvido do peito de Lars esperando ouvir seus batimentos cardíacos, porém sem muito sucesso. Então Steven começa a suar.) Tá bem lento, mas já podemos eliminar: zumbi rosa.
Gêmea Rutilo da Direita: Graças as estrelas! (A Rutilo da esquerda cochicha para da direita: O que é um zumbi?.)
Rodonita: Eu não acredito que humanos consigam mudar de cor desse jeito.
Steven: Não mudamos, assim se você fica com frio você fica azul e, se fica envergonhado você fica vermelho.
Rodonita: E o que rosa quer dizer?!, o Lars vai explodir é isso?!
Gêmea Rutilo da Direita: Talvez o Lars se reforme com uma cor diferente.
Fluorita: Eu aposto que qualquer cor que o Lars escolher vai ser bem linda.
Lars: (Lars se ajoelha e olha para as mãos.) Mas por que eu to rosa?!. Ai..
Steven: Até seu cabelo tá diferente (Steven encosta no cabelo de Lars e acende como a juba do Leão.)
Lars: Ah, o que foi isso? (Lars encosta no cabelo e nada acontece.)
Lars: Ele acendeu né?, você viu também?
Steven: É, vi.
Lars: O-o que você fez?, faz denovo! (Lars gagueja.) (Steven bota os cinco dedos da mão esquerda no cabelo de Lars.)
Lars: Por que que isso tá acontecendo?
Steven: Lars... acho que eu sei o que é isso, eu posso tentar uma coisa mas, é não.. você não me quer dentro da sua cabeça.
Lars: Você vai me.. possuir denovo?!
Steven: Não, seria mais literal.
Lars: Então o que é?
Steven: Esquece.
Lars: Olha, Steven, eu não vou ficar com raiva tá?, eu confio em você, só me ajuda nessa se eu tenho um cabelo mágico agora eu quero saber. (Steven sorri para Lars.)
Steven: Agora todo mundo pra trás. (Rodonita, Padparadscha e Rutilo dão passos para trás.)
Steven: Beleza, agora abaixa aqui. (Lars abaixa o pescoço.)
Lars: Assim?
Steven: Olha, pode ser que você sinta um pé na sua cabeça.
Lars: Pera aí o que? (Steven bota o pé no cabelo de Lars.)
Lars: Ai ai ai ai (As descoloridas olham assustadas.)
Rodonita: O que está acontecendo?!, eles estão se fundindo! (Rodonita cochicha para Rutilo: Estão se fundindo né?)
Steven: Tá indo bem, Lars!

(No cabelo de Lars)
Lars: Eh.. tá bom. (Steven respira e entra completamente no cabelo de Lars e para na frente de uma nova ilha, ele olha pro lado e vê a ilha da Rose Quartz, então caminha até lá. Steven então se abaixa e para em casa.)

(No Templo do Cristal)
Steven: Há? to em casa, eu to em casa!
Steven: Gente? cadê elas? (Steven olha para a pia da cozinha e vê um copo, então vai tomar água, ele toma dois copos de água e fica com fome.)
Steven: Comida! (Steven faz um sanduíche de pasta de amendoim e geleia de mirtilo.)
Steven: A vida é tão bonita! Haha! (Steven diz de boca cheia.)
Steven: Tenho que levar um pouco pro Lars. (Steven bota coisas num saco como suco e batatinhas fritas e um sanduíche.)
Steven: Ai eu queria avisar pra elas que eu to bem. (Leão se apróxima e encara Steven.)
Steven: Ah Leão.. então você.. ah.. nossa.. eu quero te perguntar tanta coisa se você falasse! (Leão abaixa a cabeça.)
Steven: Valeu, garoto. (Steven entra na juba do Leão.)

(No Jardim de Infância)
Lars: (Lars bota seu dedo indicador e o dedo médio no pulso do braço esquerdo. Steven sai do cabelo de Lars, que não aguenta o peso e cai de costas no chão.)
Steven: Desculpa, Lars.
Lars: O que aconteceu?, o que tem na minha cabeça?
Steven: Minha casa!
Lars: Que?!
Steven: Pessoal, eu descobri uma coisa íncrivel!, acabei de voltar pro planeta Terra entrando na cabeça do Lars!
Lars: Você voltou pra Terra?, como assim?, minha cabeça é tipo um buraco de minhoca?
Steven: Não, é bem mais simples do que isso. Olha só, eu tenho um Leão rosa de estimação que era da minha mãe quando ela estava aqui, e eu descobri que consigo entrar na juba dele e teletransportar pra uma dimensão mágica, onde minha mãe guardava os artefatos num morro mágico com uma árovre, mas por algúm motivo não dá pra respirar, mas enfim. Quando eu entrei na cabeça do Lars eu fui transportado pra essa mesma dimensão mágica, só que era uma parte nova dela mas como as duas estão ligadas eu cheguei no portal que leva à juba do leão, que me levou pra Terra.
Lars: Aah.. (Steven dá um sanduíche pra Lars.)
Steven: Toma, eu trouxe comida.
Lars: Valeu mas eu vou guardar pra depois. (Lars se levanta.)
Steven: Mas, não tá com fome? vai ver você só come lagartos mágicos agora que nem o Leão. Quer comer lagartos?
Lars: Não, eu não quero lagartos.
Steven: Mas Lars, você não come a dias!
Lars: Eu sei, é que deve ter mágia rosa na minha barriga. (Rodonita pega uma caixa de suco que estava no chão.)
Rodonita: O que é essa caixa?
Steven: É suco, nós bebemos isso na Terra. (Todas começão a falar ao mesmo tempo.)
Safira Padparadscha: Steven voltou!
Gêmea Rutilo da Direita: Não pode ser.
Gêmea Rutilo da Esquerda: Eu não acredito.
Steven: Por que não pode ser?
Fluorita: Todo mundo sabe que a Terra- (Fluorita é interrompida por Rodonita)
Rodonita: Foi dizimada por um ataque das diamantes!. Desculpe.
Steven: Não foi assim as diamantes atacaram mas, ainda tem gems vivendo na Terra e o planeta é cheio de vida (Steven pega o saco de batatinhas que estava no chão.) plantamos batatas que virão salgadinho (Steven mostra o sanduíche na mão direita.) e plantamos trigo que um dia virou farinha, que um dia virou pão e que um dia virou esse sanduíche aqui!
Gêmea Rutilo da Direita: Sandu-
Gêmea Rutilo da Esquerda: -Íche?
Rodonita: Mas, por que as gems viveriam lá?
Steven: Porque á Terra é um lugar onde podemos ser nos mesmos, podemos viver livres sem ter que esconder quem somos.
Gêmea Rutilo da Direita: Viver
Gêmea Rutilo da Esquerda: Livres sem ter que nos esconder?
Fluorita: Isso parece maravilhoso!
Steven: E é!, agora que temos o portal podemos todos ir pra lá!
Lars: Todos? Como é que eu vou entrar na minha cabeça?
Steven: Ou-ou.. hmmm
(A cena muda para o cabelo de lars, onde steven puxa o braço de Lars.)
Lars: Ai, para!, vai quebrar meu cotovelo! (Steven salta para fora e a cena volta pro Jardim de Infância.)
Steven: Tá bom, isso não deu certo, mas deve ter algúm outro jeito!
Lars: Não não olha, eu entendo vocês podem ir logo e eu fico aqui, não tem nenhum outro jeito eu fico, a Terra é bem melhor do que isso não tem robôs voando por aí só gaivotas que voam no por do sol e é lindo, vão vocês vão ver eu não tenho importância então não percam essa chance. (Steven olha para as Descoloridas.)
Rodonita: Bom, já que insiste (Rodonita tenta ir até Lars, mas Rutilo para ela.)
Fluorita: Nós não vamos, não se tiver que deixar você para trás.
Lars: O que? eu to tentando fazer uma coisa bonita aqui!
Fluorita: Nós conhecemos este planeta, já nos escondemos nesses tuneis a eons, você precisara de nós para ajuda-lo a sobreviver, alias nós descoloridas ficamos juntas.
Gêmea Rutilo da Direita: Vamos chegar à Terra de outro jeito.
Gêmea Rutilo da Esquerda: Achamos uma rota alternativa.
Lars: (Lars aponta pra Steven.) Mas você tem que voltar.
Steven: Só não parece certo deixar você aqui.
Lars: Você mesmo disse que nesse planeta todo mundo quer pegar você, não vai estar seguro até voltar pra Terra.
Steven: Mas, Lars..
Lars: Não discute comigo você sempre tenta me ajudar você me trouxe de volta à vida. Agora, me deixa mereçer isso...
Steven: Tá bom, vou avisar que você tá bem. Eu já volto e trago o que vocês precisarem. (Steven olha para as descoloridas e diz: Tomem cuidado tá?.)
Fluorita: Pode deixar.
Safira Padparadscha: Não podemos ir sem o Lars!
Rodonita: Vejo vocês na Terra, espero.. não, nós vamos! (Steven bota a mão no peito de Lars, que a retira e o abraça.)
Steven: Ah, você pode..?
Lars: Tá legal! (Lars abaixa a cabeça e Steven entra)

(No Templo do Cristal as gems chegam junto de Greg e Connie.)
Pérola: Totalmente inútil.
Steven: Hã!
Pérola: Nunca vamos fazer a nave voar e estamos perdendo tempo, o que sabe o que estão fazendo com o Steven! (Pérola diz: Oi Steven mas nem percebe o mesmo.)
Pérola: O que vamos fazer?! (Pérola olha pro lado e vê Steven.)
Steven: Eu voltei! (Todos veem Steven e ficam felizes em velo, Greg vai correndo para dar um abraço em Steven, o mesmo começa a rir e o episódio termina.)

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.